Os sentimento geram doenças - Associação Crisom®
geral@crisom.pt
(+351) 913932006
Segunda a Quinta 09:30 - 12:30 | 14:30 - 19:30

Os sentimento geram doenças

 

Cada um é responsável pelo seu corpo em por tudo que ocorre nele, como os pensamentos, a tristeza, a raiva, o medo, o ódio, a baixa auto-estima, a rejeição, a vontade de fugir, que em geral originam um estado de falta de perdão, consigo ou com o outro.
Esse estado nocivo produzem no cérebro uma série de hormonas que se espalham em alguma parte do corpo, desencadeando um desequilíbrio no sistema que poderá levar a uma doença, por vezes graves.
O segredo para uma vida saudável é trabalhar uma nova consciência, é perdoar, é compreender que ninguém é perfeito, é valorizar-se, aceitar-se e respeitar-se. Ame-se tal como é e trabalhe a cada dia para ser melhor.
Segue uma tabela com algumas doenças que são desencadeadas por determinados sentimentos:

  • Amigdalite : Emoções reprimidas, criatividade sufocada.
  • Anorexia: Ódio ao extremo de si mesmo.
  • Apendicite: Medo da vida. Bloqueio do fluxo do que é bom.
  • Arteriosclerose: Resistência. Recusa em ver o bem.
  • Asma: Sentimento contido, choro reprimido.
  • Bronquite: Ambiente familiar “inflamado”. Gritos e discussões.
  • Cancro: Mágoa profunda, tristezas mantidas por muito tempo.
  • Colesterol: medo de aceitar alegria.
  • Derrame: Resistência. Rejeição a vida.
  • Diabetes: Tristeza profunda ( vida sem docura).
  • Diarréia: Medo, rejeição, fuga (eliminar de dentro o que está ruim).
  • Dor de cabeça: Autocrítica, falta de auto valorização.
  • Enxaqueca: Medos sexuais. Raiva reprimida. Pessoa perfeccionista.
  • Fibromas: Alimentar mágoas causadas pelo/a parceiro/a.
  • Frigidez: Medo. Negação do prazer.
  • Gastrite: Incerteza profunda. Sensação de condenação, idéias mal digeridas.
  • Hemorróidas: Medo de prazos determinados. Raiva reprimida. Pessoa perfeccionista.
  • Hepatite: Raiva, ódio. Resistência à mudança.
  • Insônia: Medo, culpa.
  • Labirintite: Medo de não estar no controle.
  • Meningite: Tumulto interior. Falta de apoio.
  • Nódulo: Ressentimento, frustração. Ego ferido.
  • Pele (acne): Individualidade ameaçada. Não se aceita a si mesmo.
  • Pneumonia: Desespero. Cansaço da vida.
  • Pressão Alta: Problema emocionalmente duradouro e não resolvido.
  • Prisão de Ventre: Preso ao passado. Medo de não ter dinheiro suficiente.
  • Pulmões: Medo de absorver a vida.
  • Quistos: Alimentar mágoa. Falsa evolução.
  • Resfriados: Confusão mental, desordem, mágoas.
  • Reumatismo: Sentir-se vítima. Falta de amor. Amargura.
  • Rinite Alérgica: Congestão emocional. Culpa. Crença em perseguissão.
  • Rins: Crítica, desapontamento, fracasso.
  • Ronco: Teimosia, apego ao passado.
  • Sinusite: Irritação com pessoas próximas.
  • Tireóide: Humilhação.
  • Úlceras: Medo. Crença de não ser bom o sufciente.
  • Varizes: Flata de coragem. Sentir-se sobrecarregado

 

FONTE: https://osegredo.com.br/2015/05/sentimentos-geram-doencas-as-emocoes-e-as-doencas/

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Morada:
Rua João Simões Costa - Aveiro
Telefone:
(+351) 913932006
Email:
geral@crisom.pt